O meu objectivo ao criar este segundo Blog, foi o de dar a conhecer e relatar vários temas, factos e lendas, no campo mistico e esotérico, que desejo poder partilhar.
Aqui fica o meu pedido à todos os seus visitantes, para que se sintam livres em consultar e fazer parte dele.
Sejam livres... Questionem, critiquem, elogiem... Mas façam deste portal, um caminho pelo qual se sintam vivos ao passar...

O meu Abraço de Luz!

Mentuhenhat

A 4a Dimensão Em...

VISITANTES DESTE PORTAL

VISITE O MEU OUTRO BLOG

VISITE O MEU OUTRO BLOG
Carregue na Imagem para Abrir o Portal

A Estrada da Luz...

A Estrada da Luz...
Seja um viajante desta estrada...

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Sabios Errantes...

***Quero dedicar este texto de hoje à nossa irmã, Hazel, que sofreu a perda física de um ente querido que amava muito... Tem Fé, minha irmã... Um dia todos estaremos juntos novamente no Grande Manto de Luz do qual todos emergimos para a existência!... Namasté!...***

Há alguns dias atrás, enquanto caminhava, dei comigo a reparar numa figura caricata: Tratava-se de um sem abrigo, de aspecto simpático, sentado num banco de jardim, com os seus parcos haveres ao seu lado e que alegremente dava migalhas de pão ao pombos que se juntavam ao seu redor...
Até aqui provavelmente o leitor pensa que é apenas mais um pobre infeliz, como tantos outros, numa das suas actividades diárias... Mas... este tinha algo que me chamou mesmo a atenção... ele falava com os pombos...
"Um pobre tolo que há muito perdeu o juízo" pensaram muitos... mas dentro de mim, algo dizia que tinha de haver mais do que isso... os pombos pareciam estar mais agitados, mais alegres, pelo simples facto do homem falar com eles... alguns até batiam as asas... era invulgar...
Andei a pensar naquilo durante um tempo e depois acabei por voltar-me para outros assuntos da vida... até que tive um daqueles sonhos que me fica a ecoar na mente... não sai...
Nesse sonho, eu vi-me num local estranho, misto de cidade grande e selva impenetrável, em que havia alguns desses sem-abrigo... todos eles diziam coisas que me surpreendiam!... Um deles até me falou do Deus Anúbis e da minha relação espiritual com ele...
Perguntei-me eu então quem eram aquelas pessoas e uma voz feminina declarou que eram profetas!... Seres que após várias reencarnações, decidiram optar por uma missão em que se desapegavam de todos os bens materiais e sentiam o que seria viver livres e com muito pouco, testando a caridade e o Amor dos irmãos que partilhavam o plano físico com eles!... Eles falam palavras que muitas vezes lhes são transmitidas por mensageiros da Luz!... Bastava saber encontrar aqueles que estavam em sintonia com o Cosmos... Esses eram os profetas!...
Acordei e fiquei a meditar neste sonho durante bastante tempo...
Desde então dou comigo a observa-los, sempre que passo por um deles e quando vejo um a falar sozinho, tento discretamente ouvir o que ele diz... Pode ser um mensagem de Luz, de Paz e Amor!...

Um dia destes ainda ganho a coragem de me sentar ao lado de um deles e perguntar: "Qual a mensagem que nos vem da Luz hoje, profeta?"...

A todos o meu Abraço de Luz!

*Image from Deviantart by otisagabey

4 comentários:

Barbara disse...

Olá.
Sabe? Trabalho com assistência social, que prefiro chamar de INSISTÊNCIA SOCIAL e por conta disso, já ouvi coisas belíssimas saídas da alma dessas pessoas, ora andarilhos, ora sem teto, o nome que queiram dar...
Sua postagem comoveu-me.
Positivamente.
Obrigada.

Léo Metallica disse...

Não sei. Pois nem todos nascem mendigos. Tornam-se o que é por acasos do destino. Acho que ninguém quer ser Mendigo por opção. Um ou outro talvez. Por isso não compartilho desta tua idéia.

É bem verdade que na Índia... há os que optam por uma vida não materialísta em busca de um alcance espiritual. Bom... destes eu espero algo.

Acredito em Karmas. Que em determinado tempo de vida de uma pessoa ela tenha de passar pelas dificuldades, as vezes em forma de punição pelo excesso de sua vida anterior.

Direto do Brasil.
Abraços.

Multiolhares disse...

Não sei se serão profetas,pois quando esses seres superiores voltam a reencarnar é para ajudar a humanidade e não a espera que os humanos mostrem generosidade, digo eu que nada entendo de seres superiores, no entanto vejo que as pessoas com menos posses são " mais felizes " ou diria o pouco que tem é muito e não se prendem com o inimaginável, sentem-se mais livres.

beijos

Ser o Ser que Se É disse...

A nossa mente condicionada é que muitas vezes nos impede de sentir a verdade que está diante de nós...

Uma história muito boa de como nem tudo o que parece é...

Namasté